Televendas: (11) 2388-8200

Precisa de ajuda? Buscar
Bag
Bag

5 Dicas de autocuidado: se cuidar é se amar

06 Jan

Nós, da Anacapri, sempre prezamos o conforto, tanto no sapato que você escolhe para acompanhar sua jornada o dia todo quanto o conforto no sentido mais amplo, em se sentir bem na própria pele, admirando quem você é.

Nosso propósito é que cada vez mais mulheres tenham uma autoestima fortalecida, por isso, hoje vamos falar de autocuidado. 

Autoestima e autocuidado andam juntos, afinal, para nos sentirmos bem temos que nos fazer bem, não é mesmo? Uma das maiores ferramentas para construir a autoestima é por meio de pequenos momentos que nos proporcionamos para dar um mergulho interior, cuidando da pessoa mais importante do mundo: nós mesmas.


O autocuidado vai muito além de beleza ou férias, o que está por trás disso tudo é reservar um tempo para você, dar um pause no que os outros pensam e querem, e entender o que você quer, o que você precisa. E nada de pensar que isso é egoísmo, hein? Nós, mulheres, estamos sempre cuidando de tudo e todos e no fim não sobra tempo pra gente, por isso precisamos ficar atentas e conscientes da importância desses momentos, mesmo porque se não nos fortalecermos primeiro não conseguimos ajudar ninguém ao nosso redor.


Hoje damos 5 dicas práticas para incluir o autocuidado no seu dia a dia agora mesmo:

1. Meditar

Vivemos o dia todo trabalhando nossa mente, então esse relaxamento temporário pode ser mais transformador do que você imagina, é um momento também para observar o corpo: o que ele está te dizendo? Nosso corpo é uma fonte de sabedoria e quando paramos para ouví-lo podemos descobrir muitas coisas sobre nós e assim buscarmos caminhos para curá-las. Muitas vezes, estamos fazendo uma coisa mas pensando em outra, do passado ou do futuro, e isso pode gerar muito estresse. A meditação é uma maneira de educar nossa mente a ficar no presente e a consequência disso é uma vida mais centrada e tranquila. Assim que acordar ou antes de dormir, separe cinco minutinhos para sentar e ficar em silêncio sozinha meditando, com a prática esse tempo vai aumentando naturalmente.


2. Ficar ao ar livre

A rotina de ficar em lugares fechados e sempre com a vista de prédios da cidade pode aumentar nosso estresse, recebemos muitas informações e em uma velocidade muito acelerada. Quando entramos em contato com a natureza, tanto a nossa visão quanto os outros sentidos relaxam e acabamos desacelerando naturalmente pois entramos em um outro ritmo. Podemos inserir esse contato com a natureza em pequenas atitudes: caminhar ou almoçar em um parque ou uma praça podem mudar completamente nosso dia. Ver o horizonte, sentir o vento e o sol na pele e sentir o cheiro da natureza ajudam a gente a lembrar que nossos problemas são bem menores do que parecem ser, que somos parte de um todo incrível e maravilhoso.


3. Movimentar-se

Para estarmos bem por completo, precisamos cuidar do nosso corpo - e não estamos falando apenas de exercício físico, que também é muito importante, mas de “usar” nosso corpo de modo mais integrado/completo/amplo: andar, dançar, abraçar, tudo isso ajuda a construir nossa autoestima; se ficamos isoladas e paradas, ou seja, quando não damos “utilidade” ao nosso corpo, pode acontecer uma perda de autonomia e de confiança, além de um desequilíbrio, já que a mente fica exausta e superestimulada. Quando nos movimentos, estimulamos toda a energia estagnada no nosso corpo a fluir e isso ativa neurotransmissores de bem-estar, aumentando nossa disposição e qualidade de vida.

4. Celebrar pequenas vitórias

Estamos acostumadas a dar atenção para os problemas, para as coisas que deram errado, dedicamos tempo a elas, contamos para as outras pessoas, ficamos repassando na cabeça nossos erros. Mas e as coisas que deram certo, que vencemos? Precisamos valorizá-las também para ter equilíbrio. Vamos celebrar nossas ações no mundo, afinal, se chegamos até aqui, foi porque fizemos muitas coisas e seguimos em frente. E não precisa ser nada grande, basta nos atentarmos e podemos encontrar quase todos os dias alguma pequena coisa em que vencemos. Quando começamos a reconhecer e celebrar, aos poucos vamos ganhando mais confiança em nós mesmas. A celebração pode ser só um minuto para olhar no espelho e sorrir agradecendo a você mesma, ou compartilhando com as amigas, o importante é parar e pensar “eu consegui”. Ao comemorarmos pequenas conquistas, ativamos sentimentos bons dentro de nós, de recompensa, e nossa mente registra isso pra sempre, nos ajudando a nos sentir mais capazes diante novos desafios, nos ajudando a ser mulheres mais confiantes e plenas.


5. Fazer planos

Planejar uma viagem, planejar passos para chegar em algo que se queira é importante não só para alcançar o objetivo final, mas para enxergarmos o que queremos de verdade e termos uma motivação todos os dias. Quando fazemos planos fica mais fácil sonhar e tomar decisões, isso diminui a ansiedade e dá mais sentido à nossa vida, planejar é uma forma de sonhar com os pés no chão.


Quando separamos um tempo para cuidar do nosso interior, as coisas começam a fluir e fica muito mais fácil entendermos e fazermos escolhas do mundo externo, pois temos mais clareza de quem somos e do que queremos. Vamos começar a separar um tempinho para amar essa mulher incrível que batalhamos todos os dias para nos tornar. 


você também vai gostar